O bebé não é manipulador!

O bebé não é manipulador!

Por muito que vos tentem dizer o contrário, não acreditem nestas «histórias da carochinha» que fazem do bebé o vilão, o mau da fita, aquele personagem malvado e manipulador, que faz questão de fazer a vida negra aos pais só porque sim. 

O bebé não é manipulador, e esta frase repito-a recorrentemente e continuarei a repetir até que a voz me doa. 

O bebé simplesmente sabe que pode contar com os pais. Sabe que sempre que precisa eles estão lá para o proteger, para lhe dar conforto e segurança, ele só precisa demonstrar que tem essa necessidade e vai utilizar as estratégias que conhece para o fazer… não é manipular, é solicitar, é pedir ajuda para fazer face a uma necessidade ou dificuldade. 

Nas consultas gosto investir algum tempo a explicar o porquê de tudo isto, e por norma os pais acabam a consulta com um outro olhar sobre o seu bebé. 

Se achas que o teu bebé te solicita de forma exagerada e permanente podes:

  • ter um bebé recém-nascido que está apenas a comportar-se como um recém-nascido (sim, os recém-nascidos são naturalmente exigentes e isto dura até cerca dos 3-4 meses)
  • estar perante um bebé intenso, e aqui é importante (re)conhecer, identificar e agir para manter o equilíbrio emocional de toda a família. 

Se sentes que precisas de ajuda para gerir as solicitações e as necessidades do teu bebé, eu e a equipa Best Intensity estamos ao teu dispor!

Por isso, vamos lá repetir mais uma vez: o bebé não é manipulador!